MORADORES DO SALGUEIRO, SÃO GONÇALO AFIRMAM QUE POLICIA USOU MORADORA COMO ESCUDO HUMANO - NDM ONLINE | NOTÍCIAS, VÍDEOS, PODCAST, OFERTAS E DESCONTOS IMPERDÍVEIS!

Post Top Ad

MORADORES DO SALGUEIRO, SÃO GONÇALO AFIRMAM QUE POLICIA USOU MORADORA COMO ESCUDO HUMANO

#ESPALHE!
NDM / O SÃO GONÇALO — Moradores do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo, afirmam que policiais do Batalhão de Choque (BPChq) usaram uma mulher, também moradora da região, como escudo humano durante uma operação no conjunto de favelas, nesta quinta-feira (8). A ação tinha como objetivo identificar e prender os assassinos do sargento da Polícia Militar, Carlos Otávio Correa dos Santos, morto com um tiro na região da cabeça enquanto fazia patrulhamento na Rodovia Niterói-Manilha (BR-101).

Segundo as informações dos moradores (escute o áudio), os policiais pegaram a mulher e a fizeram 'tipo refém' para que os traficantes não atirassem contra eles.

"Eu vi, ninguém me contou não. A viatura do Choque pegou a moradora e fez ela de refém, fez ela de escudo humano para que os bandidos não mandassem tiros na viatura", disse.

Desesperada, os moradores falaram que ainda tentaram impedir a ação e desabafaram sobre a atitude dos militares, que os trataram de forma mais cruel do que fazem os bandidos.

"Que erro isso deles. Bandido não faz isso com a gente para o policial fazer? Eles não são pagos para isso. Começamos a chorar e gritar. A gente não apoia bandido para eles fazerem isso. Foi muito errado o que fizeram", desabafo.

Em outra mensagem dos moradores, outro relato grave. Segundo as informações, os policiais teriam mandado um entregador a dirigr a viatura. Como o pedido foi negado, o trabalhador apanhou no meio da rua.

"Pegaram o rapaz que veio fazer entrega de quentinha. Quando ele foi sair, os policiais mandaram ele dirigir a viatura. Como ele se recusou, tomou muito tapa na cara", relatou o morador.

Operação - Policiais militares do Batalhão de Operações Especiais (BOPE), do Batalhão de Choque (BPChq) e de Rondas Especiais e Controle de Multidões (Recom) realizaram, na manhã de quinta-feira (8), uma grande operação no Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo.

O principal objetivo da ação era localizar e prender os suspeitos de terem atirado no sargento Carlos Otávio Marques, lotado na Recom. O policial foi atingido por um tiro, na tarde desta quarta-feira (7), e morreu pouco depois de dar entrada num hospital da região.

A Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado de Polícia Militar esclareceu que o comando da Corporação não compactua com qualquer tipo de desvio de conduta ou cometimento de excessos por parte de seus policiais. A Corregedoria da PM apura com extremo rigor todas as denúncias que caminhem nesse sentido, assim como se mantém integralmente à disposição para colaborar com todos os procedimentos apuratórios conduzidos pelas esferas judicias.

Os canais da Corregedoria da Polícia Militar seguem à disposição dos cidadãos através do aplicativo WhatsApp pelo número (21) 97598-4593, por telefone pelo número (21) 2725-9098 ou ainda pelo e-mail denuncia@cintpm.rj.gov.br.

◖O SÃO GONÇALO / REPRODUZIDO POR NDM◗





✪ INFORME NDM 

NOTAS PÚBLICAS — A Prefeitura de Magé realizou a entrega de mais seis ambulâncias para complementar a frota de veículos que atendem ao município. Na última sexta-feira (7) o prefeito Rafael Tubarão realizou a entrega na Comissão Permanente de Licitação (CPL) onde entregou para os veículos que já estão a serviço da Secretaria de Saúde.


  
✪ PRIVACIDADE: TERMOS!

☗ NDM ENQUETE!

O GOVERNADOR WITZEL VAI CUMPRIR ANÚNCIO DAS BARCAS?

Post Bottom Ad

Pages