Operação do Procon flagra irregularidades em 3 Supermercados de Magé - NDM - NOTÍCIAS DIGITAL MÉDIA | SITES DE JORNALISMO BRASIL

ÚLTIMAS!

Home Top Ad

Post Top Ad

quinta-feira, 8 de outubro de 2015

Operação do Procon flagra irregularidades em 3 Supermercados de Magé

MAGÉ - O REPORTER - Três gerentes de supermercados foram presos durante uma ação da Operação Irineu Evangelista, realizada pelo Procon Estadual, com o apoio da Delegacia do Consumidor (Decon), em Magé, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Segundo informações do site O Reporter Quatro estabelecimentos foram vistoriados pelos fiscais e todos foram autuados.


Ao todo, foram descartados 329,33kg de alimentos vencidos ou sem especificação da validade. Só no Supermarket da Avenida Simão da Motta, os agentes descartaram 153,206kg. Além disso, os salgados eram manipulados diretamente pelos consumidores e a área para receber mercadorias estava em contato com a área destinada ao material para descarte. Os fiscais determinaram a separação das áreas.



Já no Opa Supermercado da Rua Coronel Macieira, os salgados também estavam expostos à manipulação do consumidor em um local sem proteção contra a poeira e os insetos.Na área da padaria, havia pisos quebrados e e os fiscais deram um prazo de 20 dias para o conserto. Além disso, o estabelecimento também não tinha os certificados de potabilidade da água e do Corpo de Bombeiros.

FOTO: SITE O MANGUE
Em outro supermercado, havia 46,98kg de alimentos impróprios para o consumo. Os responsáveis pelo local também não apresentaram os certificados de potabilidade da água e do Corpo de Bombeiros.

Os gerentes dos três mercados citados foram levados presos para a Decon.

Já no Supermarket da Rua Caioaba, os agentes verificaram a ausência do certificado de potabilidade da água e deram um prazo de 15 dias para apresentação. Já as câmaras frigoríficas estavam com piso de cimento esburacado e prateleiras e trilhos com ferrugem. Os fiscais deram um prazo de 15 dias para melhoria, sob pena de interdição.

De acordo com o Procon-RJ, o nome da operação é uma referência a Irineu Evangelista de Souza, o Barão de Mauá, que construiu a Estrada de Ferro Mauá, a primeira ferrovia do Brasil, que, a partir de 1854, passou a ligar a Estação Guia de Pacobaíba, onde atualmente fica a cidade de Magé, à localidade de Fragoso, na Vila Inhomirim, também conhecida como Raiz da Serra.


 MAGÉ - REDAÇÃO NDM  Notícias de Magé | E-mail noticiasdemage@gmail.com |
Gostou do nosso site? Então curta nossa FAN PAGE, concorra automaticamente a prêmios sem precisar se cadastrar em nada, curta e fique bem informado. Saiba quais são as novidades clicando em PROMOÇÕES.

2 comentários:

  1. Tem que vir nos mercados de fracos, parece que as câmaras frigoríficos são desligadas a noite e é um fedor e um aguaceiro escorrendo pelo chão, na sessão de salgados muias moscas, no multi market em Fragoso .e no supermercados unidos.

    ResponderExcluir
  2. A maioria dos supermercados de Magé desliga as câmaras frigoríficas e as geladeiras a noite. É só passar pela manhã na hora que eles abrem que será vista a água escorrendo e os produtos suando de calor.

    Achei correta a prisão dos gerentes mas os estabelecimentos deveriam ter sido fechados para doer de verdade no bolso dos donos.

    A pergunta que fica é a seguinte, PARA QUE SERVE A VIGILÂNCIA SANITÁRIA DE MAGÉ?

    ResponderExcluir

AVISO:
O NDM Online coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas publicações. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada, respeite a opinião dos demais. Esclarecemos que as opiniões aqui expressadas não são de responsabilidade do site, mas sim dos internautas. Deixe seu comentário sobre esta publicação, após a analise da moderação, com certeza publicaremos. Criticas, sugestões e outros assuntos pertinentes envie um e-mail para: mromodia@gmail.com, contamos com sua interação. Obrigado!


☗ NDM INFORMA!

Alerj aprova fim da vistoria no Detran

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou na quinta-feira (14/12), um projeto de lei que acaba com a vistoria veicular obrigatória feita nos postos do Detran. Parar virar lei, a proposta depende da sanção do governador em exercício, Francisco Dornelles (PP). Caso seja votada, volta para ser votada novamente pelos deputados. LEIA +

✪ PRIVACIDADE: TERMOS!

Post Bottom Ad