Jovens São Assassinados Em Magé - NDM - NOTÍCIAS DIGITAL MÉDIA | SITES DE JORNALISMO BRASIL

ÚLTIMAS!

Home Top Ad

Post Top Ad

quinta-feira, 11 de abril de 2013

Jovens São Assassinados Em Magé



Três homens acusados de assassinar dois jovens em Magé, na Baixada Fluminense, na última quarta-feira, foram presos por policiais da 66ªDP (Piabetá), na madrugada desta quinta-feira. Segundo a polícia, o crime aconteceu na Rua 27, no bairro Baía Branca.

Diego Guimarães da Conceição, o Jatobá, de 25 anos, Alexandre da Silva Braga Bandeira, 20 e Amaro Rodina Alves Júnior, 19, são apontados como os responsáveis pela morte de Rafael Caldeira da Silva, 19 e e Cláudio Alves de Amorim, 20.


                Alexandre                            Amaro                              Diego



De acordo com agentes, as vítimas foram sequestradas no início da madrugada de quarta e levadas no próprio carro. Desesperados, os jovens ofereceram R$ 10 mil aos criminosos para que não fossem mortos. Impiedosos, os assassinos rejeitaram a proposta.

Os corpos das vítimas foram encontrados com as cabeças dilaceradas por golpes de um conjunto de amortecedor de carro (amortecedor, mola e rolamento), que juntos pesam cerca de 10 quilos.

Ao lado dos corpos, a polícia encontrou um carro, uma Fiat Uno, um facão e um relógio de pulso, que teria caído do braço de Alexandre, um dos executores, no momento em que ele golpeava as vítimas.

Após investigações, a polícia chegou até os acusados e na delegacia o trio informou que as vítimas eram assaltantes e haviam cometido uma “saidinha de banco” recentemente, onde teriam levado cerca de R$ 70 mil.

Segundo eles, as informações foram passadas por um homem identificado como Ânderson Batista da Cruz, 28, conhecido como “paçoca”, que foi detido e liberado.

“Os presos dizem que o Ânderson informou às vítimas que o patrão iria sacar uma quantia alta e eles praticaram o assalto. Não há provas contra ele, porém em sua casa encontramos roupas e tênis novos que teriam sido comprados com sua parte na divisão do possível roubo. Vamos investigar se houve este crime de saidinha de banco”, afirmou o delegado da 66ªDP (Piabetá), Antônio Silvino.

Ainda de acordo com ele, o crime também pode ter sido motivado por ciúmes. “O Diego disse que um amigo das vítimas teria mantido relação sexual com sua companheira. Ele teria agredido os jovens com facão e ainda levado uma corda para amarrá-los”, comentou.

Já Alexandre, um dos presos, afirma ter tido o nome envolvido num roubo cometido pelas vítimas. Ele alega inocência.

Na casa dele foi apreendido um revólver sem munição, que seria usado apenas para “render” os jovens. O outro preso, Amaro Rodina, contou que as vítimas teriam tentado furtar sua motocicleta.

O trio será indiciado por duplo homicídio qualificado e podem pegar de 12 a 30 anos por cada morte.

Fonte:  O Dia 

 VIOLÊNCIA - OTÁVIO NETO  Notícias de Magé | E-mail noticiasdemage@gmail.com |
Gostou do nosso site? Então curta nossa FAN PAGE, concorra automaticamente a prêmios sem precisar se cadastrar em nada, curta e fique bem informado. Saiba quais são as novidades clicando em PROMOÇÕES.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO:
O NDM Online coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas publicações. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada, respeite a opinião dos demais. Esclarecemos que as opiniões aqui expressadas não são de responsabilidade do site, mas sim dos internautas. Deixe seu comentário sobre esta publicação, após a analise da moderação, com certeza publicaremos. Criticas, sugestões e outros assuntos pertinentes envie um e-mail para: mromodia@gmail.com, contamos com sua interação. Obrigado!


☗ NDM INFORMA!

Alerj aprova fim da vistoria no Detran

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou na quinta-feira (14/12), um projeto de lei que acaba com a vistoria veicular obrigatória feita nos postos do Detran. Parar virar lei, a proposta depende da sanção do governador em exercício, Francisco Dornelles (PP). Caso seja votada, volta para ser votada novamente pelos deputados. LEIA +

✪ PRIVACIDADE: TERMOS!

Post Bottom Ad