Eleições em Magé - 400 pessoas detidas - NDM - NOTÍCIAS DIGITAL MÉDIA | SITES DE JORNALISMO BRASIL

ÚLTIMAS!

Home Top Ad

Post Top Ad

domingo, 7 de outubro de 2012

Eleições em Magé - 400 pessoas detidas

Eleições em Magé 2012 - Por João Maciel - O primeiro balanço parcial das eleições 2012 por todo o estado do Rio de Janeiro dão conta de que cerca de 400 pessoas foram detidas até o momento, incluindo cinco candidatos.
               Segundo o desembargador Luiz Zveiter, até as 12:00hs as eleições transcorreram dentro da normalidade, mas acredita que até o fim das votações esse número de detidos possam ser ainda maior.
               "Não foram registrados incidentes e está tudo dentro da normalidade. Vai ser uma grande eleição, inclusive por causa das comunidades pacificadas", disse o desembargador.
               Segundo o desembargador, apenas uma urna em todo o estado do Rio de Janeiro está sendo realizado pelo voto manual, a urna eletrônica da seção 22, da 4ª Zona Eleitoral, em Botafogo, queimou e não pôde ser substituída.
               Luiz Zveiter confirmou que uma pessoa foi presa em Macaé foi presa com R$ 10.000,00 suspeito de compras de votos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

AVISO:
O NDM Online coloca este espaço à disposição de todos que queiram opinar ou discutir sobre os assuntos que tratam nossas publicações. Partilhe suas opiniões de forma responsável e educada, respeite a opinião dos demais. Esclarecemos que as opiniões aqui expressadas não são de responsabilidade do site, mas sim dos internautas. Deixe seu comentário sobre esta publicação, após a analise da moderação, com certeza publicaremos. Criticas, sugestões e outros assuntos pertinentes envie um e-mail para: mromodia@gmail.com, contamos com sua interação. Obrigado!


☗ NDM INFORMA!

Alerj aprova fim da vistoria no Detran

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou na quinta-feira (14/12), um projeto de lei que acaba com a vistoria veicular obrigatória feita nos postos do Detran. Parar virar lei, a proposta depende da sanção do governador em exercício, Francisco Dornelles (PP). Caso seja votada, volta para ser votada novamente pelos deputados. LEIA +

✪ PRIVACIDADE: TERMOS!

Post Bottom Ad