Um morto a cada 4 horas na Baixada, Magé não Ficou de Fora.

BAIXADA - EXTRA ONLINE Aumento de assaltos na Baixada foi acompanhado por crescimento de 38% nos homicídios na região em janeiro.

Os moradores da Baixada têm mesmo motivos para se sentir inseguros.Dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) mostram que o número de homicídios também cresceu na região. Em janeiro, o total de assassinatos superou em 38% o mesmo período de 2013. Foram seis mortes a cada dia.

No ranking dos assassinatos, Nova Iguaçu lidera. A cidade teve um aumento de 46% de homicídios dolosos, com uma média de 1,6 pessoas mortas por dia. Na sequência vem Duque de Caxias, onde houve mais de um assassinato por dia, apesar de uma redução no número de casos em 23%. Terceira na lista, Belford Roxo teve 16% mais casos do que no ano passado.

E a violência não se concentrou nas maiores cidades. O número de homicídios cresceu também em Nilópolis, Magé, Seropédica, Queimados e Itaguaí.

Com quadro oposto ao das cidades citadas, Paracambi é o município mais seguro no que respeito aos homicídios. Nenhum caso foi notificado no primeiro mês de 2013 nem de 2014.

De acordo com o comandante do 3º Comando de Policiamento de Área (CPA), coronel José Macedo, os PMs têm sido distribuídos segundo com a mancha criminal registrada pela Secretaria estadual de Segurança Pública.

- Ao mesmo tempo que aumentaram os crimes em algumas localidades, diminuíram em outras - destacou o comandante.

Já o chefe do 3º Deparamento de Polícia de Área, Delegado José Fagundes, disse que a violência é monitorada diariamente em conjunto com a PM:

- Realizamos operações ao menos duas vezes por semana. Trabalhamos com a repressão e Polícia Militar com a ronda, em caráter preventivo.
 BAIXADA - MAURICIO JR  Notícias de Magé | E-mail noticiasdemage@gmail.com |
Gostou do nosso site? Então curta nossa FAN PAGE, concorra automaticamente a prêmios sem precisar se cadastrar em nada, curta e fique bem informado. Saiba quais são as novidades clicando em PROMOÇÕES.

Este site usa cookies para melhorar o funcionamento e distribuição de seu conteúdo e sua interação com ele. Usando cookies, estamos colhendo e guardando temporariamente alguns dados pessoais. Você pode alterar as configurações de cookies no seu navegador. Mais informações: (Política de Privacidade).

PUBLICIDADE