PUBLICIDADE

Rede Globo E Seus Interesses


Por  Mauricio Junior - Era de se esperar que a rede globo, ao vincular em seu horário nobre algum “furo” de reportagem,  tinha algum interesse por trás, como no caso da manipulação das gravações na greve dos Bombeiros e Policiais por melhoria salarial.
Em nenhum caso se deve defender a prática dos agentes corruptores mostrado na reportagem, mas há de se desconfiar das intenções que levaram a produção da matéria.
Segundo o blog do Garotinho, uma tese deve ser levada em consideração. Segundo ele, um servidor público, hoje aposentado, que conhece os bastidores dos contratos fechados com hospitais públicos do Rio, federais, estaduais e municipais, o teria alertado para uma situação que tem lógica.
A curto prazo as empresas Locanty, Toesa, Rufolo e Bella Vista não arrumam mais nenhum contrato público em nenhuma esfera aqui no Rio, afinal qual o gestor público que vai querer se queimar agora. Vão ter que aguardar a poeira assentar e montar empresas com nomes diferentes para não chamar a atenção.
Agora raciocinem comigo, complementa Garotinho: qual a única grande empresa do Rio que presta todos os serviços oferecidos pelas 4 empresas da propina? Acertou quem respondeu o Grupo Facility.
O empresário Arthur César, dono do Grupo Facility tem contratos no governo Cabral que chegam a R$ 1,5 bilhão.
Segundo o funcionário público, conhecedor do ramo, nos próximos meses só vai dar o Grupo Facility e suas múltiplas empresas que mudam de nome a toda hora. De uma tacada só os principais concorrentes do grupo foram colocados fora do jogo, pelo menos temporariamente.
É aguardar para ver.